Tentativa de ascensão ao Huayna Potosi

27 de outubro de 2014

Hoje aconteceu nossa tentativa de ascensão ao cume do Huayna Potosi (La Paz, Bolívia), com seus 6.088 metros de altitude.

Iniciamos a caminhada ontem por uma trilha de pedras, quando subimos do acampamento base a 4.770m até o acampamento alto, a 5.130m. No acampamento alto tentamos dormir cedo, pois a meia noite teríamos que levantar para nos preparar para sair a uma da manhã. E essa já foi uma tarefa difícil, para quem está acostumado a dormir quase no horário que teríamos que levantar.

A uma da manhã, conforme planejado, já estávamos na trilha para atingir o cume, e esta, toda de neve. Usávamos equipamento especializado, como botas impermeáveis, grampões, piolet, capacete, lanternas e roupa para muito frio.

Subíamos vezes em inclinação não tão acentuada, mas a maioria das vezes, era muito íngreme (45 a 50 graus de inclinação). E detalhe, tudo a noite, pois o objetivo era chegar ao cume ao amanhecer.

Nós íamos bem, apesar de não estarmos em nosso melhor preparo físico. Quanto a aclimatação, por viajarmos 3 semanas em altitude entre 3.500m e 4.200m, nos ajudou bastante.

Mas mesmo assim, altas montanhas não são fáceis. Nesta tentativa, pelas 5h da manhã, quando já havíamos caminhado até a altitude de 5.800m, o vento e o frio pegaram forte, estando em +/- 15 graus negativos e a Michelle teve suas mãos e pés praticamente congelados, nos obrigado, pela segurança dela, a baixar rapidamente ao acampamento alto. Neste momento ainda faltava 2h30 de caminhada ao cume e seria negligência nossa arriscar.

O sol nasceu quando já havíamos baixado uns 400m e revelou a nós o Huayna Potosi, lindíssimo, mas com suas grandes barreiras.

Huayna Potosi

Deixe o seu comentário

Seu email não será publicado ou partilhado. Os campos marcados com * são obrigatórios.

*
*



11 comentários. Confira:

  • Segurança e bem estar antes de tudo, sem isso os demais desafios nem terão chance!! Que bom que esses itens estejam em primeiro plano!! Abraços!

    Cleusa Nalú Strecker
  • Parabéns !, Valeu a tentativa

    Henrique Luis Basso
  • É uma pena, mas muito legal terem tentado fazer o cume do huayna potosi! Mas fica pra proxima, quem sabe vamos juntos? E no mais tudo certo por ai?
    Ja estamos com saudades de vcs aqui!

    Grande abraço

    Familia Schultz

    Felipe schultz
  • O que não pode faltar nestas horas é bom senso! Ele tem que ser muito superior ao desejo… Imagino que não foi fácil, faltando tão pouco! Mas, que bom que vocês se preservaram!

    Lilian
  • Roy e Michelle,
    É uma pena que tenham tido que interromper a subida ao cume Huayna Potosi.
    Isto me deixa preocupado, pois na latitude70 graus o frio também se fará presente.
    Isto me fez lembrar da minha ida a Narvik no norte na Noruega para ver o SOL DA MEIA NOITE. O trem chegou à cidade por volta das 22:30. Próximo a estação ferroviária partia o teleférico (cadeiras iguais as utilizadas em estações de esqui), ele leva ao alto da montanha de onde se avista a cidade e evidentemente o espetáculo do SOL DA MEIA NOITE. Após apreciar o espetáculo o programa é descer e caminhar pela cidade. Naturalmente tudo fechado pois é período da noite (com sol). O trem de retorno partiria às 6:00. Até 2:00 tudo estava normal, mas foi neste momento que ocorreu uma mudança brusca no tempo. Nuvens cobriram a cidade com uma rapidez impressionante e isto com um vento extremamente gelado. Como não havia onde se proteger a solução foi apelar para ficar numa recepção de um hotel batendo papo com o recepcionista até dar a hora de ir para a estação ferroviária.
    Temperatura negativa em pleno verão.
    Narvik fica na latitude 68graus e 26′. muito próximo da latitude que vocês tem como objetivo. Não sei em que época vocês estarão na latitude 70graus. Mesmo no verão pode ser um gelo. Daí a minha preocupação que manifestei acima. Mas vocês com certeza estarão preparados.
    Abraços,
    Hercílio Malinowsky (Filho)

    HERCÍLIO MALINOWSKY
  • Demais !! aproveitando tudo cada vez mais intensamente !11Abs

    magno lima
  • Mesmo assim, as imagens devem ter sido lindas na volta né? E prudência nunca é demais no gelo. Parabéns pela decisão!
    Tudo de melhor pra vocês…

    Willian
  • Prudência deve ser constante.
    Muito show. Admirável!
    E a legenda das fotos está cada vez melhor.
    Conseguimos nos sentir mais próximos desse acompanhamento.
    Boa sorte, saúde e paz.
    Abs

    Döll
  • Fantástico! Admiro a coragem.
    É bom mesmo cuidar da minha amiga certo Roy!
    Abraços.

    Iandara
  • Que maravilha!!!!!!!!
    Mas, segurança em primeiro lugar!!!!!!!

    Sidney
  • Linda paisagens, parabéns pela aventura!
    Neste desafio ficou evidente a frase do Mundo por Terra ” As vezes é preciso retroceder para poder realizar os nossos sonhos!

    Diogo Fernando Harmel

Patrocinador

Apoiadores

Victória Motor Homes
Xthor
Sol Paragliders

2018 © Mundo por Terra

scriptsell.neteDataStyle - Best Wordpress Services